Sexta-feira, 1 de Agosto de 2008

Serreta (no desfile etnográfico das Sanjoaninas 2008)

Pela Rua da Sé, pelas Sanjoaninas 2008, um grupo de serretenses desfilou simbolizando a romaria à Senhora dos Milagres.

Abaixo apresento a transcrição do panfleto que descrevia a freguesia:

 

Serreta

 

A vinte kilómetros da cidade, e na ponta mais ocidental da ilha, está a freguesia de Nossa Senhora dos Milagres, conhecida também pleo nome de Serreta.

É de todas as freguesias da Ilha a que está a maior altura acima do nível do mar, não deixando de ser das mais húmidas, devido à pequena serra que lhe fica sobranceira, e onde se acumulam densos nevoeiros.

Sem documentos credíveis até uma certa data, onde se possa estudar a sua verdadeira origem, temos que nos basear na lenda do velho padre, que nos finais do século XVI, se embrenhara pelos matos à procura dum lugar perfeitamente isolado, onde sem ouvir vozes dos seus semelhantes, pudesse dirigir a Deus as suas preces. Com muito trabalho, demarcou o velho padre o lugar da Serreta e edificou uma tosca e pequena ermida onde colocou a imagem da virgem, que consigo levara. Em pouco tempo toda a ilha conhecia as virtudes do piedoso sacerdote, começando o povo a acorrer em grandes romarias não só com o sentido religioso, mas tambem para admirarem as virtudes e santidade do próprio velhinho. Anos depois da sua morte, por ordem do prelado a imagem foi transportada para a igreja das Doze Ribeiras e pouco a pouco foi o povo esquecendo-se dos milagres da virgem, até acabaram de vez as romarias.

Depois de várias tentativas para construir uma nova igreja só em 1842, a 10 de Setembro a imagem de Nossa Senhora dos Milagres entrava com toda a solenidade na sua igreja.

Foi então criado o curato da Serreta, passando a paróquia independente 19 anos mais tarde, 24 de Dezembro de 1861.

Esta freguesia é atravessada por 4 ribeiras. Ribeira das Catorze, Ribeira do Gato, Ribeira das Lapas e Ribeira de Além.

A sua mata e o pico, com a sua praça de toiros de quatro cantos no sopé, são os pontos altos das suas festas em honra da sua padroeira.

O farol na Ponta do Queimado é um precioso auxiliar à navegação que abunda na sua costa.

Esta freguesia torna-se notável pela romaria que todos os anos faz o povo terceirense no mês de Setembro, e pela existência de uma fonte de água mineral a que dão o nome de água azeda.

É a romaria à senhora dos milagres que trazem até à cidade que comemora os seus 25 anos de património da Unesco.

 

Mais informação sobre a freguesia da Serreta está disponível pela internet, nomeadamente na página, a título pessoal sem fins lucrativos, de que sou autora.

 

 

Antiga igreja no lado de baixo da actual

 

Igreja nova
Actual Santuário de Nossa Senhora dos Milagres

índice temático: ,
publicado por Azoriana às 23:13
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 2 de Novembro de 2007

Geminação Parada de Gonta & Serreta (O desafio)

Olá AMIGA!

Voltei ao lugar de onde nunca saí!
Voltei, porque há muito que aqui não deixava, registado, o meu sentir. De onde nunca saí, porque efectivamente nunca deixei de estar aqui neste espaço, que visito com alguma frequência!

Parada de Gonta está alerta. A causa é uma chamada do mar! Um perfume que se soltou. Um aroma fresco, inspirado, terno e sentido, solto por uma ROSA de um jardim florido no ATLÂNTICO. Um perfume eterno, como eterna é a Amizade que une virtualmente (por enquanto) duas Freguesias, e os seus filhos. Desse Jardim florido surge agora esta pétala de carinho, escrita para Parada de Gonta, pela sua ROSA mais Formosa.
Parada de Gonta continua viva, linda e encantada com esta Amizade de já longa data.
Com um sorriso grato, fraterno, um beijo suave de ParadadeGonta no rosto de uma Azoriana plena de talento.
NA ENORME AMIZADE ENTRE PARADA DE GONTA E A SERRETA, NEM O MAR É OBSTÁCULO!

«... Amizade que une virtualmente (por enquanto) duas Freguesias...»

(...) a geminação que referes no teu "post" pode agora ser alimentada com mais convicção, porque da Junta de Freguesia local (Parada de Gonta) faz parte um dos membros visados no teu postal (Agostinho). Será mais fácil avançar agora com essa possibilidade.
A geminação entre localidades constitui um princípio muito usado nos tempos modernos e daí advêm sempre mais valias para ambas as partes. Parece-me, sinceramente, que a aproximação geminada entre as duas Freguesias pode avançar se houver vontade das partes que directamente têm essa missão (juntas de Freguesia). Deixo aqui o desafio. Sim, porque a vida é feita de desafios e as Juntas de Freguesia também os devem enfrentar!
G abraç.


Parada de Gonta, CAH - 2007/11/02 (comentários in artigo de homenagem).

Nota: Em Parada de Gonta há a Romaria e na Serreta há a Filarmónica mais antiga da ilha, em actividade.

Só falta agora alguém olhar para este artigo com olhos de ver e saber como fazer tal geminação de duas freguesias: Parada de Gonta & Serreta. Clique nos links para ver a heráldica das duas freguesias.



Serreta

(Brasões in Home Page do Físico)

publicado por Azoriana às 20:04
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 3 de Outubro de 2006

À desgarrada na net - Histórico

À Desgarrada na "Net", desde 10 de Julho de 2004
no «Arauto Graciosense»

Com Jorge Gonçalves (ilha Graciosa) e Rosa Silva (ilha Terceira)

  1. Sonho de gaivota
  2. À desgarrada na net
  3. Mais vale boca calada
  4. Pobres & Ricos
  5. Coisas de informática
  6. Sacas de encomendas
  7. Ao visitar os Açores
  8. Versos de Natal
  9. Versos de Ano Novo
  10. Tragédia Sudoeste Asiático
  11. Dia de Amigos / Amigas
  12. Carnaval 2005
  13. Legislativas Nacionais
  14. Patuscada do Marisco
  15. Patuscada II
  16. Festas de Verão
  17. Calor de verão
  18. Festas da Serreta
  19. Festas Açorianas
  20. Natal 2005
  21. As novas tecnologias
  22. Fim do mundo
  23. Desgarrada do tubarão

De Jorge Gonçalves (ilha Graciosa)

  1. Eleições Açorianas
  2. Vitória de César
  3. Eleições americanas
  4. Mãe da democracia
  5. Profecia Apocalíptica
  6. Thanksgiving
  7. Política em Portugal
  8. Machado Ávila
  9. Amor & Sobrevivência
  10. Fogueira de S. João
  11. Versos sobre os Açores
  12. Homenagem a Juventino Ramos, O Poeta Do Povo
índice temático: ,
publicado por Azoriana às 20:39
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 1 de Maio de 2006

Um Olhar...

Digo-vos que esta é a porta de entrada para o meu pequeno mundo virtual.

Em vez de lhe chamar blog, chamo-lhe página pessoal porque a actualização não é tão frequente quanto a do blog.

Foi daqui que o blog Azoriana / Açoriana nasceu.

Esta página, intitulada Um Olhar..., foi o ponto de partida para a descoberta do gosto pela escrita e a freguesia da Serreta foi o mote.

Azoriana

sinto-me:
índice temático:
publicado por Azoriana às 18:09
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 28 de Abril de 2006

À Desgarrada na "Net"

Uma compilação das desgarradas publicadas na Internet (Net), de 10 de Julho de 2004 a 7 de Dezembro de 2005. A "cantoria" continua via internet, mas este conjunto fica em formato de livro, numa edição particular.
À DESGARRADA NA "NET" conta com a participação de Jorge Gonçalves, (webmaster da Galeriacores, da ilha Graciosa e Rosa Silva "Azoriana", da ilha Terceira.

A ficha da edição provisória é a seguinte:

Título: À Desgarrada na "Net"
Autores: Jorge Gonçalves & Rosa Silva

Jorge Gonçalves - Gerente da Galeriacores
URL:
http://groups.msn.com/Galeriacores
e
Arauto Graciosense
URL:
http://arauto.blogdrive.com

Rosa Silva - "Azoriana", - autora do Blog Terceirense
Azoriana / Açoriana
URL:
http://silvarosamaria.blogs.sapo.pt
e
"Um Olhar..." - página pessoal
URL:
http://silvarosamaria.no.sapo.pt

Edição particular: Rosa Silva
Número de Páginas: 78
Data: 12 de Dezembro de 2005

(c) Rosa Silva 2005. Todos os direitos reservados

Agradecemos a vossa opinião.

publicado por Azoriana às 23:54
link do post | comentar | favorito
|

nota de abertura

Neste espaço residem pequenos fragmentos da alma serretense.
Um residente classificou-a como sendo fresca no clima e quente na hospitalidade. É, sem dúvida, uma freguesia fresca, pequena mas com uma grande alma.

É um "Cantinho do Céu", como a autora lhe chamou num dos seus artigos, já publicados no blog original "Azoriana / Açoriana".
Sob o pseudónimo de Cidália Miravento e na capa de "Azoriana", Rosa Silva vai reunindo coisas suas e de outros no intuito de divulgar a freguesia que lhe deu berço - SERRETA.

Bem-vindo à Serreta, a freguesia de Nossa Senhora dos Milagres, do concelho de Angra do Heroísmo, ilha Terceira - Açores.
in DI Domingo. Foto de António Araújo

índice temático

a biografia

blogs

da azoriana

in palavras açorianas

jornais e revistas

listas

livro

logo_150_anos

ofertas

outras páginas pessoais

outros autores

página pessoal

serreta

serreta na intimidade

todas as tags

Usuários online usuários online

imagem do cabeçalho editada por DJDiniz

Livro de visitas
Guestbook

selo

Azoriana/Açoriana (II)
Azoriana/Açoriana (II)
@ 2006 - Código

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

ir para / go to:

Serreta (no desfile etnog...

Geminação Parada de Gonta...

À desgarrada na net - His...

Um Olhar...

À Desgarrada na "Net"

O prazer de escrever

últ. comentários

Muito obrigada Maria João. Bjs
Vejo que continuas a cantar a tua terra, como ning...
Passei por aqui e fiquei gostoso deste blog notici...
Lindo poema! A Última quadra, é de uma beleza e se...
E hoje tive o prazer de cumprimentar o neto do fad...
blogs SAPO

subscrever feeds